quinta-feira, 18 de junho de 2009

Benefício Adquirido

Pacientes que fazem cirurgia de redução de estômago, usam o cartão de identificação em bares e restaurantes para desconto
____________________________________________
Cristiane Salvino Silva, 45 anos, conhecida como tia Cris é apaixonada pela vida. Ela é bonita, batalhadora e alegre. Foi motorista de veículo escolar por 12 anos, e foi conhecida como a segunda mulher em Brasília a receber a licença pra dirigir veículos escolares. Mas nem sempre foi assim, pois se deparou com um problema sério de saúde, e foi aconselhada pelo endocrinologista Roberpaulo Ferreira Filho a fazer a cirurgia de redução do estômago, tecnicamente conhecida como cirurgia bariátrica.
A cirurgia bariátrica da tia Cris foi realizada há quatro anos. Hoje ela está estabilizada no peso e regrada para hábitos saudáveis. Ela perdeu 36 quilos. A alegria da tia Cris é tamanha com a nova vida que ela faz questão de mostrar a sua conquista para todos e anda com uma carteira de identificação dentro da bolsa.
A ideia da carteira foi do cirurgião Orlando Pereira, o responsável pela operação em tia Cris. Ao todo, ele já realizou 2000 mil cirurgias Bariátricas e entregou a todos os pacientes um cartão de identificação para que os operados possam explicar o procedimento a que foram submetidos.
Com a carteira em mãos, tia Cris descobriu nas reuniões dos bariátricos que alguns restaurantes de rodízio dão descontos ao apresentarem a carteirinha, na clinica eles forneciam uma lista de restaurantes que davam desconto, mas não precisou. Por se considerar uma carioca da gema, falante e descontraída quando vai a um restaurante costuma falar com o gerente, se identifica, mostra a carteira, e se for preciso, também mostra a cicatriz. Justifica que ingere a quantidade de comida como uma criança, e se duvidar, menos. "A questão não é somente financeira, pois não acho justo comer pouco e pagar por muito", diz ela.
No restaurante Assados e Grelhados, na 109 Sul, o gerente Mateus Silva já acostumou com as abordagens dos bariátricos:
"achamos justo o desconto, isso não é pagar menos, deveria ser um direito".
Tia Cris só não conseguiu desconto uma única vez, em uma festa com colegas de trabalho na comemoração do final de ano. Já usou diversas vezes a carteira de identificação e hoje, sabe quais os restaurantes que dão descontos em Brasília.
Cristiane pesquisou seis meses sobre o procedimento cirúrgico e como seria a mudança de vida pós-cirúrgica. Foi nesta pesquisa encontrou o Médico Orlando Pereira, brasiliense e um dos precursores de cirurgia do aparelho digestivo, titular e Delegado Regional da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica, redução de estômago. Sentindo-se segura, optou pela cirurgia:
"Fiz porque tenho uma deficiência óssea, com diagnóstico de diabetes e cirrose hepática devida minha obesidade. Dietas não adiantavam mais, sem a cirurgia teria que usar cadeira de rodas e bengala". Ela participa todas as terças-feiras de reuniões para bariátricos no hospital Santa Lúcia ou na Clínica do Médico Orlando Pereira. Quando ela fez a cirurgia eram 600 pacientes participantes, hoje são dois mil. Esses encontros servem como apoio pela grande mudança emocional que passam. A equipe é formada por médicos, psicólogos e nutricionistas.
Em contato com Cléber Sampaio, da assessoria de imprensa do Sindicato de Bares e Restaurantes/SINDOBAR, e Lisandre Werner, presidente da Associação Brasileira de Bares/ABRASEL em Brasília, dizem desconhecer o desconto, e também não sabem da existência da carteira de identificação. Finalizam que as instituições não possuem nenhuma responsabilidade sobre o uso com desconto e que nada foi formalizado.
Cristiane diz que não precisa de interlocutores, murmura como se fosse só para ela: "eu ainda farei um movimento para que esse desconto se torne Lei."
Por Vera Oliveira

3 Comentários:

fabiana rodrigues rosa ribeiro disse...

estou de acordo pois nao conseguimos ingerir a mesma quantidade de antes pois temos nosso estomago reduzido precisamos sim que faça valer nossos direitos pos cirurgia grata fabiana

Anônimo disse...

como posso adquirir essa carteira de identificaçao?
Obrigada

Anônimo disse...

Nada a ver essa historia de valer nosso direito vão em um buffet por kg ja q depois da cirurgia vcs comem menos pagaram menos agora donos de restaurantes vão ter que adaptar a vcs só o q faltava mesmo

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO